Sexta-feira, 30 de Setembro de 2005
"Nogueira Pinto denuncia partidarização da Câmara "

(Notícia Diário de Notícias, de 30 de Setembro)


"Maria José Nogueira Pinto, criticou a partidarização da autarquia através da colocação de assessores políticos sem experiência e formação em cargos de competência técnica. "Houve uma grande partidarização da Câmara, que já vem de longe e, numa casa como esta, que tem funções técnicas tão importantes, isso é praticamente a morte", disse a candidata numa acção de campanha junto ao edifício da autarquia em Entrecampos. "Os assessores políticos não podem substituir os técnicos", defendeu.

Nogueira Pinto distribuiu uma carta aos funcionários quando estes entravam para os serviços, na qual considerou que "a colocação de chefias sem experiência autárquica anterior e sem formação ajustada aos lugares" prejudicou a eficiência da autarquia, além de constituir um factor de desmotivação para as pessoas que ficaram subordinadas a essas mesmas chefias. Para Maria José Nogueira Pinto, "a Câmara é uma grande máquina que não funciona", nomeadamente devido à duplicação de competências."


publicado por Maria José Nogueira Pinto às 07:35
link do post | favorito
Envie um e-mail
pesquisar
 
Maio 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
posts recentes

Vereador sobre eventual r...

Prioridade número um é at...

Anacoreta Correia teme co...

350 atletas em Lisboa no ...

Oposição exige que seja o...

Turismo: Lisboa subiu par...

Filmes da Argentina e Mal...

Carmona tenta convencer M...

Oposição vê eleições como...

Carmona partiu para expos...

arquivos

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Maio 2006

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

tags

actividades

agenda

intervenções

notícias lx

opinião

programa eleitoral

propostas

revista de imprensa

sobre mjnp

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds